Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Clube de Ciências da UFPA apresenta o mundo científico a crianças e adolescentes

Projeto é também espaço para exercício da docência

Por que o gafanhoto pula primeiro para depois voar? Por que não podemos ter o mesmo tamanho dos extraterrestres do filme “Avatar”? Por que os alimentos estragam? A curiosidade natural das crianças e adolescentes é o ponto de partida para os trabalhos de iniciação científica do Clube de Ciências da Universidade Federal do Pará (CCIUFPA). Interessado?

As inscrições para participar do projeto como sócio-mirim são abertas anualmente entre os meses de março e abril cada ano e as vagas disponíveis são para estudantes da Educação Básica, a partir dos seis anos de idade, e do Ensino Médio, que estejam regularmente matriculados em instituições da rede pública de ensino.

Como participar? Os responsáveis das crianças ou adolescentes que queiram participar do projeto devem comparecer ao Clube de Ciências da UFPA no prazo anunciado anualmente munidos dos seguintes documentos: Comprovante de residência; Comprovante de matrícula da escola; Documento de identificação do responsável; Certidão de nascimento para crianças e jovens que ainda não tenham identidade

As inscrições seguem do início de março ao início de abril nos horários de 8h às 12h e 14h às 18h, de segunda a sexta-feira, na sede do Clube, que se localiza no Instituto de Educação Matemática e Científica (IEMCI). Campus Básico da UFPA, próximo ao primeiro portão e a Prefeitura do Campus.

Laboratório - Segundo o coordenador do CCIUFPA, João Amaro, o Clube é um laboratório pedagógico que tem como um dos objetivos a popularização da ciência e o letramento científico entre estudantes da educação básica.

“No trabalho realizado neste espaço, as crianças e adolescentes, chamados de sócios-mirins, têm a possibilidade de desenvolver habilidades e competências que envolvem, por exemplo, a observação, o levantamento de hipóteses, a argumentação, a contra-argumentação, a escrita, a autonomia. A intenção é fazer com que eles, indo além de conteúdos ou disciplinas do conhecimento, desenvolvam suas próprias investigações científicas, devidamente orientados pelos professores estagiários”.

Como funciona? - O Clube, fundado em 1979 pela professora Terezinha Valim, e atualmente coordenado pelo professor João Amaro, tem como foco a formação inicial dos professores-estágiários (alunos de qualquer graduação), a fim de que os mesmos trabalhem com a investigação cientifica como instrumento para o ensino das ciências, matemáticas e linguagens.

O projeto proporciona o ensino e aprendizagem de ciências e também de linguagens a crianças e adolescentes dos anos iniciais até o ensino médio. A equipe de coordenação do CCIUFPA seleciona, cataloga e padroniza alguns materiais didáticos, produzidos e testados com os sócios-mirins (cartilhas, manuais, jogos, modelos, softwares, sites, etc.) e no final do ano é feita uma exposição onde pode ser visto resultado das produções investigativas feitas pelos sócio-mirins.

Serviço:
Clube de Ciências da UFPA
Inscrições entre os meses de março e abril
Podem se inscrever crianças e adolescentes da 1ª série da Educação Básica ao 3º ano do Ensino Médio
Reuniões aos sábados pela manhã
Informações: (91) 3201.7642 ou This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it. This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it.

Texto: Cléo Viana - Assessoria de Comunicação da UFPA
Divulgado em: 08 de mrço de 2016.
Unidade: Faculdade de Educação Matemático Científica do Instituto de Educação Matemático Científica (Iemci)
Status: Pesquisador João Amaro disponível para entrevistas.

Fim do conteúdo da página