Ir direto para menu de acessibilidade.
Início do conteúdo da página

Paraenses podem conhecer mais sobre o Universo em projeto da UFPA

Núcleo de Astronomia mostra que temos mais em comum com as estrelas do que imaginamos

Você já olhou para o céu a noite e se encantou com os mistérios que envolvem estrelas e planetas? Fica intrigado com eclipses e chuvas de meteoros? Pessoas de todas as idades podem conhecer mais sobre o Universo bem aqui na Universidade Federal do Pará (UFPA). Há mais de dez anos, o Núcleo de Astronomia (NASTRO) da UFPA realiza encontros sobre Astronomia e Astrofísica e ainda promove observações de fenômenos astronômicos.

O NASTRO funciona de segunda a sábado em diversos horários oferecendo aulas teóricas e práticas sobre o Universo e seus fenômenos. Também utiliza experimentos científicos relacionados à Astronomia e Astronáutica, incluindo o lançamento de foguetes a base de água. Além disso, escolas e grupos também podem agendar visitas ao NASTRO, e também convidar os integrantes do projeto para feiras e eventos escolares.

Não apenas curiosidade - Graças às pesquisas sobre Astronomia e Física, atualmente é possível saber exatamente quando vários fenômenos astronômicos (como eclipses) acontecem e não se trata apenas de curiosidade: Observar momentos marcantes do Universo colabora para o avanço da ciência aqui na Terra.

E porque olhar para cima? De acordo com Luís Crispino, coordenador do projeto, temos mais em comum com o Universo do que muita gente imagina. O pesquisador da UFPA revela que elementos químicos, como o Cálcio que faz parte da composição dos nossos ossos e dentes, vieram de muito longe. A maior parte das substâncias foi e continua sendo criada a partir das explosões de estrelas distantes.

“O Cálcio que está no nosso corpo surgiu bem longe (no tempo e no espaço), fora do Sistema Solar, e se condensou na Terra há quatro bilhões de anos atrás, quando o planeta se formou e acabou compondo nosso organismo. Por isso, saber mais sobre o Universo é descobrir mais sobre nós mesmos”, defende

Quartas e sábados – Atualmente, o NASTRO promove as “quartas astronômicas”. Estes encontros iniciam com seminários sobre vários temas e terminam com observações do céu a partir de telescópios. Se as condições meteorológicas não ajudarem, o grupo utiliza softwares para mostrar o céu como seria observado com os telescópios.

Já aos sábados, alunos do Ensino Básico de escolas de Belém se preparam para as Olimpíadas Brasileiras de Astronomia e Astronáutica (OBA). Quem desejar pode fazer a inscrição no projeto e continuar a frequentar o Nastro também ao longo da semana.

·      Serviço:

As inscrições para participar da preparação oferecida pelo NASTRO para a OBA costumam ser realizadas no mês de fevereiro, das 8h às 12h e das 14h às 18h, na sala 7 do Bloco “Q” do Campus Básico, onde o projeto funciona. As inscrições são mantidas até o preenchimento das vagas para alunos desde o 1º ano do Ensino Fundamental ao 3º ano do Ensino Médio.

Informações: (91) 3201-7889 ou e nos e-mails  This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it. This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it. e  This email address is being protected from spambots. You need JavaScript enabled to view it. e ainda no site do projeto no endereço  http://nastro.ufpa.br/ 

Texto: Victor Oliveira – Assessoria de Comunicação da UFPA
Publicado em: 27/12/2016
Unidade: Faculdade de Física do Instituto de Ciências Exatas e Naturais.
Status: Coordenação do projeto disponível para entrevistas.

Fim do conteúdo da página